Vírgula-imagem ::: Marcelo Terça-Nada!

10.10.05

Por que sou a favor do desarmamento

por Marcelo Terça-Nada!

Há vários motivos para dizer sim ao desarmamento, vamos a alguns deles:
– O direito a permanecer vivo vale muito mais que o direito de ter armas

– Quanto mais armas, mais acidentes com armas (Veja a cobertura sobre acidentes com armas de fogo clicando aqui )

– Muitas pessoas são mortas por tiros vindos de arma de mão (Entre 1979 e 2003, mais de 550 mil pessoas morreram no Brasil, vítimas dessas armas).

– Porque uma das fontes de armas ilegais é o roubo de armas das pessoas comuns (veja mais em: Armas de civis alimentam o crime no Brasil )

– Por mais que os testes para se ter porte de arma possam ser rigorosos, todas os seres humanos passam por situações de descontrole emocional: brigas de trânsito, confusões em torcidas de futebol, brigas de casais etc.

– O referendo faz parte de uma grande campanha, vinda do Estatuto do Desarmamento. Essa campanha passou por várias etapas, entre elas a da entrega voluntária de armas. Desde que a campanha começou, mais de 400 mil armas foram entregues e o número de pessoas assassinadas por arma de fogo diminiu. Coincidência? Claro que não!

– Há no mundo hoje várias campanhas pelo desarmamento em vários níveis, indo do controle de venda de armas de fogo ao combate da proliferação de armas nucleares, passando pela proibição de venda de armas e munição. Veja por exemplo as ações do ControlArms: http://www.controlarms.org (há uma versão em português do dossiê “Vidas despedaçadas” preparado por eles sobre Comércio de Armas, veja neste link )

– Você já pensou a quem interessa o desarmamento? Os maiores interessados na venda de armas são a indústria armamentista (que doou R$1,5 milhões para a campanha do NÃO) e entidades conservadoras como a Revista VEJA (vide capa-panfleto publicada na primeira semana de outubro). Mas quem está defendendo o desarmamento? Não por acaso, são as mesmas instituições que batalham por um mundo melhor, entre elas: a Abong (Associação Brasileira de ONGs), Instituto Viva Rio, Ação da Cidadania (Natal sem fome), Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (Ibase), a Oxfam (Organismo mundial pelo combate da desigualdade e responsável por iniciativas como a “Chamada global contra a pobreza” ou a “Make Trade Fair” de promoçao do Comércio Justo) e diversas outras.

Quer outros motivos? Leia o texto: 10 razões para dizer sim ao Desarmamento.

Este é o quarto post sobre desarmamento aqui no Vírgula-imagem. Os outros três foram:

Veja outras opiniões sobre o desarmamento no Nós na Rede
tags: , , , , ,

Compartilhe:

Deixe um Comentário

Obrigatório

Obrigatório, (não aparecerá no site)

Algumas tags de HTML permitidas:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Trackback this post  |  Inscreva-se para acompanhar os comentários via RSS Feed

<< Texto anterior: NEAD destaca site da EcoOrgânica
Próximo texto: Duas notícias do Ministério da Cultura >>



© Copyleft 2017 Vírgula-Imagem :: Marcelo Terça-Nada. Alguns direitos reservados.
Feito e mantido com o software livre WordPress . Obrigado pela visita! Fazer login