MIP e os fluxos colaborativos diversos

mip2
(clique na imagem para ampliar)

A MIP2 começou. E está sendo muito legal a rede de fluxos colaborativos e afinidades que vem se contruindo e emergindo até aqui na web.

Contribuições e esforços de Viviane Gandra, Brígida Campbell, Julius, Marcelo Terça-Nada, Leo Gonçalves, Luiz Carlos Garrocho, Joacélio Batista, Fábio Gomide, Mariana Lage e companhia ilimitada se entrecruzam nos endereços abaixo:

(Acessem e façam bom proveito: Artigos, imagens, links)

Enquanto isso, no Espaço 104 e em diversos locais de Belo Horizonte, dezena de pessoas fazem a MIP acontecer. O CEIA realiza mais uma Zona Autônoma Temporária na cidade, com diversas experiências de arte contemporânea entorno das possibilidades da Performance.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *