Encontro de Coletivos Brasil-Espanha

Também como atividade paralela à ARCO´08, será realizado o Encontro de Coletivos Brasil-Espanha entre os dias 9 e 12 de fevereiro de 2008 em Madri/Espanha. O encontro acontece no Itermediae – mais precisamente no QG do GIA – e reunirá os coletivos:

Brasil

Espanha

Encontros abertos reúne diversos grupos brasileiros e espanhóis no QG do GIA

9 e 11 de fevereiro de 2008, 17h00 às 21h00
10 de fevereiro de 2008, 12h00 às 15.00

GIA convidou diferentes grupos brasileiros e espanhóis com uma proposta de convivência para se conhecerem, discutir questões sobre as práticas colaborativas e envolvendo a colaboração e trocar informações e experiências. Durante estes dias, os grupos convidados realizarão várias apresentações.

12 de fevereiro de 2008, 18h30 às 21h00
As abordagens teóricas de Manuel Delgado e Peter Pál Pelbart, juntamente com o debate do dia, encerram o encontro no QG do GIA. O caráter aberto e colaborativo dos encontros permitem que o calendário de apresentações se estenda. Os encontros serão transmitido por streaming no site www.intermediae.es

Tudo isso é uma inciativa do Intermediae – uma instituição de Madri/Espanha dedicada à criação contemporânea – e do GIA – Grupo de Interferência Abiental – e com colaboração do MAM Bahia, o Ministério da Cultura do Brasil e o Centro Cultural Espanha de São Paulo.

Saiba mais:
QG do GIA
Intermediae
Grupo de Interferência Ambiental
Intermedialogia – blog-processual do evento

Esta actividad consiste en un encuentro entre los días 9 y 12 de febrero entre colectivos brasileños y españoles, dentro de un espacio intervenido por el colectivo GIA en Intermediae, que creará un contexto o marco general para esos encuentros formales e informales entre los colectivos. GIA creará en Intermediae su QG do GIA, que contendrá registros documentales sobre diversas experiencias de arte público en Brasil, y servirá como espacio de acogida de los encuentros. Estas citas pretenden constituirse como un foro para que los colectivos se presenten mutuamente y ante el público, hablando de sus trabajos (el formato es libre), así como reflexionando sobre las condiciones y retos de las prácticas colaborativas y colectivas en las sociedades contemporáneas y las funciones que actualmente desempeñan en el campo del arte contemporáneo.

2 comentários sobre “Encontro de Coletivos Brasil-Espanha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *